Páginas

sábado, 11 de fevereiro de 2012

CONTO LOUCO

Certa vez um estranho miniconto um contista publicou em sua página. Sempre bilíngue: em português e em esperanto. Animais, os temas preferidos: papagaio, macacos, desta vez uma serpente seria a protagonista. Um desafio tinha recebido a serpente: enganar uma mulher pelo oferecimento de um irrecusável presente. Depois de uma meditação, fingiu ser um brinco caro. Não uma joia ordinária, mas um brinco com um grande, raro poder: contar à mulher todos os mais secretos segredos das outras mulheres da vizinhança, de tal modo que o poder dela aumentasse de forma evidente. Uma felicidade veio imediatamente. Um problema também! Mas, somente quando ela entrou no zoológico da cidade e perdeu o brinco. Somente quase de noitinha ela achou sua joia, mas, oh não!, no alto da árvore do Paraíso. Novamente uma serpente oferecia a ela uma antiga e legendária maçã. Chorando muito a mulher fugiu.

Moral: De novo, nunca mais!